Palmeiras é o grande vencedor da rodada e São Paulo perde força - Nação Palmeirense - Blog da Torcida Palmeirense Palmeiras é o grande vencedor da rodada e São Paulo perde força - Nação Palmeirense - Blog da Torcida Palmeirense

PUBLICIDADE

Palmeiras é o grande vencedor da rodada e São Paulo perde força


O Palmeiras foi o grande vencedor da 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, que termina nesta segunda-feira (15) com a partida entre Ceará e Botafogo, no Castelão, em Fortaleza.

A vitória sobre o Grêmio, neste domingo, no Pacaembu, foi essencial para manter o time paulista na liderança do torneio com três pontos de vantagem para o Inter, que bateu o São Paulo, de virada, em Porto Alegre.
Por outro lado, o time tricolor do Morumbi — que havia voltado a liderar o Brasileirão depois de três anos, se sustentou na ponta por oito rodadas e deixava a sua torcida esperançosa — caiu de produção em um momento crucial e já está sete pontos atrás do líder. O São Paulo tem 52 pontos, enquanto o Palmeiras soma 59.



O Flamengo, que venceu o clássico com o Fluminense por 3 a 0, no sábado, no Maracanã, chegou aos 55 pontos e está somente um atrás do Inter (56), vice-líder do campeonato.


Ambos (rubro-negros e colorados) seguem com chances de tomar a ponta do Palmeiras. Já o Grêmio, com 51 pontos, foi outro time a se afastar da disputa pelo título a nove rodadas do encerramento da competição.


Palmeiras a todo o vapor

Desde a chegada do técnico Luiz Felipe Scolari, que substituiu Roger Machado e iniciou a terceira passagem pelo clube, o Palmeiras vive uma fase espetacular.

O time comandado por Felipão tem conseguido superar o desafio de se desdobrar entre a Copa Libertadores e o Brasileiro. O rendimento da equipe não caiu mesmo com a escalação de alguns reservas.

Nomes como o meia Lucas Lima e o atacante Deyverson, antes alvos de muitas críticas por parte dos torcedores, agora são exaltados pela boa fase e os gols que garantiram vitórias importantes.


Além disso, o Palmeiras não perde há 14 jogos no Campeonato Brasileiro. A última derrota ocorreu no dia 25 de julho, no Maracanã, para o Fluminense, em jogo da 15ª rodada do Nacional.



Na Libertadores, a equipe está entre os quatro melhores e, por ter a melhor campanha entre todos os concorrentes, terá o direito de decidir em casa nesta fase e em uma eventual final, caso supere o Boca Juniors, adversário na semifinal.



São Paulo em crise


Já o São Paulo voltou para uma crise que parecia ter afastado nesta temporada. Após anos de campanhas ruins, eliminações traumáticas e falta de títulos, a exigente torcida tricolor estava animada com a liderança no Brasileiro.


As contratações do veterano Nenê, de 37 anos, e do atacante Diego Souza, de 33, superaram a expectativa da comunidade são-paulina. Ambos se tornaram os artilheiros da equipe treinada por Diego Aguirre, que parecia ter acertado a mão na condução do grupo.


No entanto, o São Paulo começou a tropeçar diante de adversários de menor expressão (empates com Paraná e América-MG), perdeu jogos importantes (o clássico para o Palmeiras e o duelo com o Inter, outro concorrente direto pelo título) e não demonstra a força suficiente para reagir.

O Palmeiras foi o grande vencedor da 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, que termina nesta segunda-feira (15) com a partida entre Ceará e Botafogo, no Castelão, em Fortaleza.

A vitória sobre o Grêmio, neste domingo, no Pacaembu, foi essencial para manter o time paulista na liderança do torneio com três pontos de vantagem para o Inter, que bateu o São Paulo, de virada, em Porto Alegre.


Palmeiras vence Grêmio com show de Deyverson e mantém liderança


Por outro lado, o time tricolor do Morumbi — que havia voltado a liderar o Brasileirão depois de três anos, se sustentou na ponta por oito rodadas e deixava a sua torcida esperançosa — caiu de produção em um momento crucial e já está sete pontos atrás do líder. O São Paulo tem 52 pontos, enquanto o Palmeiras soma 59.



O Flamengo, que venceu o clássico com o Fluminense por 3 a 0, no sábado, no Maracanã, chegou aos 55 pontos e está somente um atrás do Inter (56), vice-líder do campeonato.

Ambos (rubro-negros e colorados) seguem com chances de tomar a ponta do Palmeiras. Já o Grêmio, com 51 pontos, foi outro time a se afastar da disputa pelo título a nove rodadas do encerramento da competição.

Palmeiras a todo o vapor

Desde a chegada do técnico Luiz Felipe Scolari, que substituiu Roger Machado e iniciou a terceira passagem pelo clube, o Palmeiras vive uma fase espetacular.

O time comandado por Felipão tem conseguido superar o desafio de se desdobrar entre a Copa Libertadores e o Brasileiro. O rendimento da equipe não caiu mesmo com a escalação de alguns reservas.


Nomes como o meia Lucas Lima e o atacante Deyverson, antes alvos de muitas críticas por parte dos torcedores, agora são exaltados pela boa fase e os gols que garantiram vitórias importantes.


Além disso, o Palmeiras não perde há 14 jogos no Campeonato Brasileiro. A última derrota ocorreu no dia 25 de julho, no Maracanã, para o Fluminense, em jogo da 15ª rodada do Nacional.


Na Libertadores, a equipe está entre os quatro melhores e, por ter a melhor campanha entre todos os concorrentes, terá o direito de decidir em casa nesta fase e em uma eventual final, caso supere o Boca Juniors, adversário na semifinal.




São Paulo em crise

Já o São Paulo voltou para uma crise que parecia ter afastado nesta temporada. Após anos de campanhas ruins, eliminações traumáticas e falta de títulos, a exigente torcida tricolor estava animada com a liderança no Brasileiro.

As contratações do veterano Nenê, de 37 anos, e do atacante Diego Souza, de 33, superaram a expectativa da comunidade são-paulina. Ambos se tornaram os artilheiros da equipe treinada por Diego Aguirre, que parecia ter acertado a mão na condução do grupo.

No entanto, o São Paulo começou a tropeçar diante de adversários de menor expressão (empates com Paraná e América-MG), perdeu jogos importantes (o clássico para o Palmeiras e o duelo com o Inter, outro concorrente direto pelo título) e não demonstra a força suficiente para reagir.

A 29ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A está sendo marcada pelos artilheiros. Deyverson fez os dois gols do Palmeiras na vitória sobre o Grêmio, em São Paulo, consolidando o time alviverde na liderança. Mas a equipe paulista é seguida de perto pelo Internacional, que bateu o São Paulo de virada, por 3 a 1, com dois gols de Leandro Damião. O Santos também venceu com a marca do goleador: Gabriel Barbosa fez o gol no triunfo sobre o Corinthians, no Pacaembu
609 visitas - Fonte: R7

Adicione nosso site aos seus favoritos! Fique por dentro das principais noticias do Palmeiras
Palmeiras é o grande vencedor da rodada e São Paulo perde força Palmeiras é o grande vencedor da rodada e São Paulo perde força Reviewed by Julio Mateus on 10:17:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.