Por que Cuca aposta no embalo do Palmeiras agora - Nação Palmeirense - Blog da Torcida Palmeirense Por que Cuca aposta no embalo do Palmeiras agora - Nação Palmeirense - Blog da Torcida Palmeirense

PUBLICIDADE

Por que Cuca aposta no embalo do Palmeiras agora

Compartilhe nas redes sociais!

Gostou? Deixe seu curtir


Esse ponto não acrescenta muito em termos de tabela, mas dá confiança para a sequência do campeonato. Se não conseguimos somar três pontos, somamos um para dar confiança e buscar uma arrancada.
Foi assim que Cuca definiu o desempenho do Palmeiras contra o Atlético-MG, no último sábado, em Belo Horizonte. O empate em 1 a 1 fora de casa não interferiu tanto no objetivo da equipe de se manter no G-4 do Campeonato Brasileiro. Mas as adversidades enfrentadas fora de casa podem fortalecer um time que ainda busca uma afirmação na temporada.

Para voltar de Belo Horizonte com um ponto, os palmeirenses precisaram suportar a pressão atleticana, enfrentar duas penalidades contra (uma, Prass pegou, a outra, não), superar uma cobrança de pênalti desperdiçada (por Deyverson) e redobrar a atenção na marcação após ter dois jogadores expulsos (Luan e Willian).

Segurança no gol
Uma fase irregular fez o ídolo palmeirense Fernando Prass conviver com críticas e até a perder a posição no time titular. De volta após a lesão de Jailson, o goleiro teve atuação decisiva contra o Atlético-MG: defendeu pênalti batido por Fred e fez outras três boas defesas. O camisa 1 ganha moral para voltar a ter sequência.

Defesa exigida
Não somente os zagueiros Luan e Edu Dracena – e, depois, Juninho –, mas todo o sistema defensivo palmeirense teve trabalho intenso diante do ataque atleticano. Mesmo com dois jogadores a menos, o Verdão só foi vazado em cobrança de pênalti. Durante a pressão no segundo tempo, a defesa foi bem nos cruzamentos para a área, e Prass só foi exigido nos chutes de longa distância. Sinal de que os espaços foram fechados.

Marcação e saída de bola
A formação com Jean (ou Bruno Henrique), Tchê Tchê, Moisés e Guerra tem evoluído, principalmente na marcação. Com Tchê Tchê novamente como destaque do setor, o time palmeirense aumentou seu poder defensivo e de cobertura. Na saída de bola, mais qualidade e força na chegada, com Tchê Tchê e Moisés se revezando na ligação e Jean tentando aparecer como elemento surpresa. Ainda faltam alguns ajustes nas coberturas dos laterais e um pouco mais de regularidade de Guerra.

Banco testado
A expulsão de Luan ainda no primeiro tempo da partida contra o Atlético-MG abriu a necessidade da entrada de Juninho na equipe. Ao lado de Edu Dracena, o zagueiro teve grande atuação e mostrou que pode ser útil ao setor. Na semana passada, Cuca já havia afirmado que o período sem jogos colaborava para que os trabalhos táticos fossem ampliados ao grupo todo. Antes reservas e agora titulares, os laterais Mayke e Egídio também se destacaram em Minas. Thiago Santos, como sempre, entrou bem para cumprir seu papel nos desarmes nos minutos finais.

De folga nesta segunda-feira, o elenco do Verdão se reapresenta na Academia de Futebol na terça. O próximo jogo será na segunda (18), diante do Coritiba, às 20h, no Pacaembu, pela 24ª rodada do Brasileiro.
Fonte: Globo Esporte
Por que Cuca aposta no embalo do Palmeiras agora Por que Cuca aposta no embalo do Palmeiras agora Reviewed by Julio Mateus on 11:02:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.