Palmeiras não mantém técnico por um ano desde 2013 - Nação Palmeirense - Blog da Torcida Palmeirense Palmeiras não mantém técnico por um ano desde 2013 - Nação Palmeirense - Blog da Torcida Palmeirense

PUBLICIDADE

Palmeiras não mantém técnico por um ano desde 2013



Gilson Kleina foi o último que conseguiu manter trabalho no clube por mais de um ano

Foto: Eduardo Viana

Por Bruno Alecsander

Com a saída de Roger Machado na noite desta quarta-feira (25), o Palmeiras mantém demitindo treinador antes de completar um ano completo de trabalho no clube. Em 2013, Gilson Kleina foi o último que conseguiu "sobreviver" por mais tempo no comando alviverde. 
Roger Machado assinou com o Palmeiras em dezembro do ano passado por uma temporada. Após receber muitas críticas da torcida, o treinador sai com o seguinte retrospecto: 44 jogos, 27 vitórias, nove empates e oito derrotas.

O último técnico que conseguiu permanecer por mais tempo no Verdão foi Gilson Kleina. Contratado em 2012 após saída de Felipão, ele não conseguiu evitar a queda para a Série B, mas trouxe a equipe de volta à elite no ano seguinte. Com um ano e oito meses, Kleina participou de 105 jogos, venceu 56, empatou 20 e perdeu 29. 
Confira os treinadores que passaram pelo Verdão e não duraram um ano no cargo:
Ricardo Gareca: durou nem três meses no Palmeiras - foram quatro vitórias, um empate e oito derrotas entre junho e setembro de 2014. 

Dorival Júnior: chegou em setembro de 2014 e ficou até o fim do Brasileiro, no início de dezembro. Foram 20 jogos, sendo seis vitórias, cinco empates e nove derrotas.

Oswaldo de Oliveira: chegou em janeiro e saiu em junho de 2015 - foram 17 vitórias, sete empates e sete derrotas em 31 partidas.

Marcelo Oliveira: anunciado em junho de 2015, conquistou a Copa do Brasil sobre o Santos, no mesmo ano em que chegou. O início ruim de 2016 fez com que fosse demitido em março. Foram 53 partidas, 24 vitórias, 11 empates e 18 derrotas.

Cuca: chegou em março de 2016, e quebrou a marca de 22 anos do clube sem conquistar o Campeonato Brasileiro. Foi o único treinador no período que saiu por vontade própria. Foram 51 jogos, com 29 vitórias, 11 empates e 11 empates. 

Eduardo Baptista: iniciou 2017 e foi demitido em maio, com 23 jogos, 14 vitórias, quatro empates e cinco derrotas.

Cuca: voltou em maio de 2017, foi mal e saiu em outubro. Ma segunda passagem, foram 34 jogos, 16 vitórias, sete empates e 11 derrotas.

Alberto Valentim: Após a saída de Cuca, Valentim quase foi efetivado. Em nove jogos, conseguiu cinco vitórias, um empate e três derrotas.

Adicione nosso site aos seus favoritos! Fique por dentro das principais noticias do Palmeiras
Palmeiras não mantém técnico por um ano desde 2013 Palmeiras não mantém técnico por um ano desde 2013 Reviewed by Julio Mateus on 11:08:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.