Inseguro e nada intenso: Palmeiras despenca de rendimento em menos de 1 mês - Nação Palmeirense - Blog da Torcida Palmeirense Inseguro e nada intenso: Palmeiras despenca de rendimento em menos de 1 mês - Nação Palmeirense - Blog da Torcida Palmeirense

PUBLICIDADE

Inseguro e nada intenso: Palmeiras despenca de rendimento em menos de 1 mês


Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação
O Palmeiras estreou na noite desta segunda-feira (16) no Brasileirão 2018. Mais uma vez o time de Roger Machado saiu na frente do placar e sofreu o empate do Botafogo de maneira amadora, deixando a sua torcida novamente muito irritada.
O alviverde que teve um mês de março praticamente impecável, viu o seu sistema e a sua confiança ruir após o vice-campeonato Paulista. O time liderava praticamente todos os índices de estatísticas do Estadual. Melhor ataque, melhor defesa, líder em desarmes, tinha o líder de assistências e só perdeu somente dois jogos no mês. (São Caetano e Santos).
Porém abril chegou e com ele veio a tempestade. A polêmica final do Paulista com interferência externa escondeu o gol que o time levou com menos de 2 minutos após uma falha imperdoável do sistema defensivo palmeirense. O ataque por sua vez quase não conseguiu criar durante os 180 minutos frente ao maior rival.
Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação
Diante do Boca os problemas seguiram. Alejandro Guerra teve que entrar no lugar de Lucas Lima para resolver a falta de criatividade ofensiva. Porém mais uma vez o lado direito da zaga palestrina falhou feio. A vitória que praticamente classificaria o Palmeiras na Libertadores, se transformou em um amargo e revoltante empate.
A história se repetiu diante do Botafogo no Engenhão. Lucas Lima mais uma vez muito apagado, deu lugar à Guerra que fez um dos mais belos gols do Palmeiras em 2018. Mas o time de Roger Machado novamente demonstrou uma insegurança fora do normal.
Não conseguindo ter o controle da partida diante de um frágil adversário, a equipe desperdiçou diversos contra-ataques e viu o seu oponente achar um gol de forma bizarra, aonde desde o goleiro Jaílson até o volante Felipe Melo falharam feio. Imperdoável.
Ainda é muito cedo para querer interromper o trabalho de Roger Machado. O Palmeiras não pode repetir o mesmo erro de 2017, mas o comandante alviverde precisa acordar. O sinal de alerta está ligado. A intensidade que é tão cobrada por ele desapareceu. É preciso testar um novo esquema, testar novos jogadores. O papel do técnico é esse. Trabalhar para corrigir os erros o mais rápido possível, e não contribuir para que eles tomem uma proporção maior a cada rodada.
Talvez seja o momento de testar Edu Dracena como titular e Alejandro Guerra idem. A insegurança deste sistema defensivo precisa ser corrigida urgentemente. Não há mais tempo para errar. Como encarar uma La Bombonera pulsando dessa forma? Com tamanha passividade?
É preciso ser mais letal. Mais sangue na veia. Ter mais tesão. Desde a presidência até o treinador. É preciso odiar perder e parar de jogar os problemas pra debaixo do tapete…
FONTE: NOSSO PALESTRA

Adicione nosso site aos seus favoritos! Fique por dentro das principais noticias do Palmeiras
Inseguro e nada intenso: Palmeiras despenca de rendimento em menos de 1 mês Inseguro e nada intenso: Palmeiras despenca de rendimento em menos de 1 mês Reviewed by Unknown on terça-feira, abril 17, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.