Opinião - Foi por pouco, seu Roger - Nação Palmeirense - Blog de Notícias do Palmeiras Opinião - Foi por pouco, seu Roger - Nação Palmeirense - Blog de Notícias do Palmeiras

PUBLICIDADE

Opinião - Foi por pouco, seu Roger

Depois de dois jogos sem vencer - três, se você contar o empate contra o América-MG, em casa - O Palmeiras conseguiu uma vitória emblemática em um jogo que, na minha opinião, poderia ter custado o cargo de Roger Machado.




Infelizmente, além do fato de vitórias emblemáticas não representarem muita coisa ultimamente, não posso dizer que vi méritos do Roger nessa vitória.
Nosso treinador escalou um time com formação 4-2-3-1, que nada mais é do que um 4-3-3 disfarçado. A única coisa na qual Roger realmente teve ousadia foi em sacar Lucas Lima do time. E a postura dos 11 em campo foi praticamente a mesma dos últimos jogos. O time estava nervoso, tinha dificuldades pra criar as jogadas e os contra ataques do rival vinham sem encontrar muita resistência pela frente. Isso sem falar nas bolas aéreas.

Como se não bastasse tudo isso se repetindo, sofremos um gol em mais uma falha individual de zagueiro. Perdi as contas de quantas vezes isso aconteceu nesta temporada.

Segundo alguns jogadores, Roger teve uma conversa no vestiário para acalmar os jogadores. Em campo, porém, o que vi foram os problemas físicos do time ajudando o treinador.

Diogo Barbosa se lesionou e deu lugar a Victor Luis - que, além de ser melhor defensivamente, conta com um grande apoio da torcida. Mayke já vinha fechando bem os espaços pelo lado direito, e isso acabou deixando ao São Paulo apenas a opção de ataque pelo meio. 

Gol de Willian.

Keno se lesionou e deu lugar a Hyoran. Isso, praticamente, obrigou Roger a colocar o time no 4-4-2. Menos espaços para o adversário no meio campo e o Palmeiras agora jogando como um verdadeiro mandante.

Gol de Willian.

Dois minutos depois, gol de Dudu em um belíssimo contra ataque orquestrado por Moisés, com direito a assistência de Hyoran.
No mesmo lance, Moisés, ainda sem ritmo de jogo, sentiu câimbras e pediu substituição. Entrou Thiago Santos, pra garantir o placar.

Uma grande atuação, no fim das contas. Mas que não pode mascarar os erros que ainda se repetem.
Roger não pode ser teimoso a ponto de acreditar que o esquema tático atual. Não pode insistir com um jogador que está indo mal sendo que tem outro no banco que entra e resolve.

Não vai ser todo dia que o destino vai conspirar em nosso favor.

Adicione nosso site aos seus favoritos! Fique por dentro das principais noticias do Palmeiras
Opinião - Foi por pouco, seu Roger Opinião - Foi por pouco, seu Roger Reviewed by Léo Nascimento on 08:48:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.