Pelo Brasileirão, Palmeiras pressiona até o fim, mas sofre revés para o Santos - Nação Palmeirense - Blog da Torcida Palmeirense Pelo Brasileirão, Palmeiras pressiona até o fim, mas sofre revés para o Santos - Nação Palmeirense - Blog da Torcida Palmeirense

Pelo Brasileirão, Palmeiras pressiona até o fim, mas sofre revés para o Santos

Compartilhe nas redes sociais!

Gostou? Deixe seu curtir


O Palmeiras, apesar da boa atuação no segundo tempo do jogo e das inúmeras tentativas de gol, foi superado pelo Santos pelo placar de 1 a 0 na noite desta quarta-feira (14), na Vila Belmiro, pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro. Este foi o 997º clássico paulista da história do clube, somados os duelos contra Corinthians, São Paulo e o rival santista).

Ainda na noite desta quarta (14), o Alviverde conheceu seu rival nas oitavas de final da Conmebol Libertadores Bridgestone: o Barcelona de Guayaquil, do Equador. A equipe palestrina volta a campo pela competição nacional neste domingo (18), às 16h, contra o Bahia, na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), pela 8ª rodada.

O jogo 

Morno, o primeiro tempo contou com pressão do rival santista nos primeiros minutos. Apesar das tentativas, o Verdão neutralizou os golpes sem maior dificuldade e viu Róger Guedes, de longe, carimbar o travessão de Vanderlei no primeiro lance de perigo do time, aos 23 minutos.

O duelo ficou truncado no meio campo na maior parte do período, e, apesar de arriscar muitos chutes de fora da área, o Alviverde teve a grande chance de marcar aos 46: após cruzamento de Guerra, Willian cabeceou forte para defesa importante do arqueiro santista.

Já a segunda etapa foi dos goleiros: aos três minutos, Guerra soltou a bomba de fora da área, e Vanderlei foi buscar. No entanto, aos cinco, em lance irregular sobre Edu Dracena, Kayke abriu o placar para os donos da casa. (Santos 1x0 Palmeiras)

O Palmeiras não desistiu do certame e pressionou o Santos a todo instante. Guerra, Róger Guedes e Willian, muito acionados no comando do ataque, utilizavam as pontas do gramado para incomodar a retaguarda do adversário: aos 14, o venezuelano finalizou novamente com perigo para nova defesa do arqueiro santista.

Fernando Prass também trabalhou bastante no período: o arqueiro palestrino impediu dois gols certos de Lucas Veríssimo e David Braz. Ainda na pressão incansável sobre o Santos, Cuca sacou Zé Roberto, Tchê Tchê e Thiago Santos para dar lugar a Keno, Jean e Raphael Veiga, respectivamente.

Os minutos finais do duelo foram um verdadeiro duelo entre ataque e defesa. O Verdão encurralou o Santos em sua área, e o empate só não veio por conta dos detalhes: Róger Guedes, Willian e Raphael Veiga, duas vezes, incomodaram Vanderlei, que salvou o Alvinegro até o último instante da partida.

Escalação: Fernando Prass; Edu Dracena, Antônio Carlos, Juninho; Mayke, Thiago Santos (Raphael Veiga), Tchê Tchê (Jean), Guerra, Zé Roberto (Keno); Willian e Róger Guedes

Cartões amarelos: Juninho, Tchê Tchê e Willian
Fonte: Site Oficial
Pelo Brasileirão, Palmeiras pressiona até o fim, mas sofre revés para o Santos Pelo Brasileirão, Palmeiras pressiona até o fim, mas sofre revés para o Santos Reviewed by Julio Mateus on 10:08:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.